contador
contador gratuito de visitas
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Social bookmarking

Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de livrearbitrio em seu site de social bookmarking

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 63 em Sex 29 Mar 2013 - 11:42
Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Top dos mais postadores
Admin (95)
 
marcos a cavalcanti (89)
 
JUVENCIO (79)
 
Montenegro (62)
 
Gilmor (62)
 
Mariana (43)
 
PINHO Cardoso (30)
 
BALTAZAR (30)
 
Carolzinha (23)
 
DaSilva (18)
 

contador
contador gratuito de visitas

Como os animais conseguem prever terremotos?

Ir em baixo

Como os animais conseguem prever terremotos?

Mensagem por Bob Jef em Qua 28 Dez 2011 - 16:58

Em abril de 2009, o terremoto L’Aquila, em Abruzzo (Itália), matou 308 pessoas e causou milhões de euros de prejuízo. Mas um grupo de seres vivos conseguiu procurar um lugar seguro e se salvar dias antes da catástrofe. Era uma colônia de sapos, que previu o terremoto com antecedência e abandonou o lago em que vivia. Mas como eles fizeram isso?

A resposta a essa habilidade de prever terremotos mistura biologia com química. Quando alguma superfície terrestre está sob intensa pressão (o que sempre antecede um terremoto de médio ou grande porte), os solos da região registram algumas mudanças em sua composição química. Essas mudanças, aparentemente, são detectadas pelos animais, que sabem interpretar o sinal como uma ameaça perigosa.

Em um período de três dias, o lago monitorado por pesquisadores da Open University (Inglaterra) foi abandonado por quase todos os 96 sapos que viviam e se reproduziam no local. Investigando o fato, descobriram que as perturbações tectônicas sob o solo da região liberaram partículas carregadas eletricamente para a superfície.

Ao alcançar a superfície, essas partículas reagem com o ar e criam material ionizado. Íons como esses já são prejudiciais em humanos, porque causam dor de cabeça e náuseas. Na água, eles reagem com alguns compostos orgânicos e produzem várias substâncias tóxicas para os animais que lá habitam.

Ao entrar em contato com tais substâncias tóxicas, os sapos tiveram o “alarme” de que algo ali não corria bem. Dias depois, um terremoto de 6,3 graus na escala Richter sacudiu a área da qual eles fugiram. O mecanismo com o qual eles identificaram tais mudanças, no entanto, ainda permanece um grande mistério aos cientistas. A compreensão desses processos poderia, no futuro, aprimorar as formas de prevenção a catástrofes naturais.
[BBC]

Bob Jef

Mensagens : 6
Reputação : 1
Data de inscrição : 14/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum