contador
contador gratuito de visitas
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Social bookmarking

Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de livrearbitrio em seu site de social bookmarking

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 63 em Sex 29 Mar 2013 - 11:42
Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Top dos mais postadores
Admin (95)
 
marcos a cavalcanti (89)
 
JUVENCIO (79)
 
Montenegro (62)
 
Gilmor (62)
 
Mariana (43)
 
PINHO Cardoso (30)
 
BALTAZAR (30)
 
Carolzinha (23)
 
DaSilva (18)
 

contador
contador gratuito de visitas

Crise na Espanha: prostitutas se recusam a fazer sexo com banqueiros

Ir em baixo

Crise na Espanha: prostitutas se recusam a fazer sexo com banqueiros

Mensagem por Montenegro em Sab 31 Mar 2012 - 19:16

Elas querem que os banqueiros abram linhas de crédito para famílias pobres ou empresas que estão próximas da falência

Um protesto inusitado chamou a atenção dos espanhóis essa semana. Prostitutas de luxo de Madri se recusam a fazer sexo com banqueiros, em protesto contra a crise financeira que atinge a Espanha. O desemprego no país já atinge 23% da população economicamente ativa.

Wikicommons
Para voltar a atender seus clientes banqueiros, as prostitutas exigem que os funcionários das instituições financeiras do país abram linhas de crédito para famílias pobres ou empresas que estão próximas da falência. A principal associação de prostituição da cidade afirmou ao tablóide inglês Daily Mail que só irá suspender a greve quando os banqueiros cumprirem “suas responsabilidades sociais”.

“Nós somos as únicas com capacidade real de pressionar o setor”, afirmou a associação, que comemora os resultados obtidos pela greve, iniciada terça-feira (27/03). Ainda de acordo com o tablóide, alguns clientes tentaram enganar as prostitutas alegando que eram arquitetos ou engenheiros, mas as tentativas foram em vão.

Uma prostituta que se identifica como AnaMG afirmou não acreditar que a greve irá durar muito. “Estamos em greve há três dias e eu não acho que eles aguentem muito tempo”, disse.

A Espanha é um dos países da União Europeia que mais sofrem com a crise econômica que tomou conta do continente nos últimos anos. A taxa de desemprego do país atinge os 23% e é a maior de todo o bloco. Nesta quinta-feira (29/03), trabalhadores de todo o país organizaram uma greve geral que durou 24 horas. A paralisação ocorreu em protesto aos cortes de gastos e à reforma trabalhista aprovada em fevereiro pelo governo do conservador Mariano Rajoy.

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/20866/crise+na+espanha+prostitutas+se+recusam+a+fazer+sexo+com+banqueiros.shtml
avatar
Montenegro

Mensagens : 62
Reputação : 3
Data de inscrição : 11/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum