contador
contador gratuito de visitas
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Social bookmarking

Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de livrearbitrio em seu site de social bookmarking

Quem está conectado
2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 63 em Sex 29 Mar 2013 - 11:42
Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Top dos mais postadores
Admin (95)
 
marcos a cavalcanti (89)
 
JUVENCIO (79)
 
Montenegro (62)
 
Gilmor (62)
 
Mariana (43)
 
PINHO Cardoso (30)
 
BALTAZAR (30)
 
Carolzinha (23)
 
DaSilva (18)
 

contador
contador gratuito de visitas

Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Ir em baixo

Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Mensagem por BALTAZAR em Qua 14 Dez 2011 - 13:48

Blogueiro Mosquito é encontrado enforcado em sua casa em SC




Mosquito era um dos mais confrontadores analistas da política catarinense e tornou-se conhecido pelo blog Tijoladas do Mosquito, onde postava denúncias e ácidas críticas | Foto: Diego Wendhausen Passos
Da Redação
Atualizado às 21h31

O polêmico blogueiro catarinense Amilton Alexandre, o Mosquito, foi encontrado morto dentro da sua casa na tarde desta terça-feira (13). Segundo o jornalista e blogueiro Sérgio Rubim, que divulgou a notícia, Mosquito foi encontrado enforcado em seu apartamento em Palhoça (SC). Apesar dos fortes indícios de suicídio, a polícia local garante que investigará detidamente o caso.

Mosquito era um dos mais confrontadores analistas da política catarinense e tornou-se conhecido pelo blog Tijoladas do Mosquito, onde postava denúncias e ácidas críticas. Uma de suas mais famosas denúncias envolveu um dos filhos de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS, que teria cometido estupro contra uma menina de 13 anos em Florianópolis (SC). No momento, seu blog encontrava-se desativado por decisão judicial, mas Mosquito seguia publicando suas críticas via Twitter.

Segundo informações do blogueiro Sérgio Rubim, o secretário de segurança de Santa Catarina, César Augusto Grubba, determinou uma apuração detalhada do caso. Por ser um personagem polêmico e visado, alguns suspeitam que o suicídio possa ter sido forjado e o blogueiro tenha sido, na verdade, vítima de assassinato. Outras informações, ainda não confirmadas, dão conta de que um mandato de prisão teria sido expedido contra Mosquito na mesma tarde em que Amilton Alexandre foi encontrado morto.

Com informações da Rádio Criciúma

http://sul21.com.br/jornal/2011/12/blogueiro-catarinense-mosquito-e-encontrado-enforcado-em-sua-casa/

BALTAZAR

Mensagens : 30
Reputação : 1
Data de inscrição : 11/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Mensagem por Herzog em Qua 14 Dez 2011 - 14:35

Eu preciso falar com os Sirotsky, eles precisam me dar o telefone do pai de santo deles!!!!
avatar
Herzog

Mensagens : 13
Reputação : 5
Data de inscrição : 13/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Mensagem por Convidad em Sab 17 Dez 2011 - 10:39

eu conhecia o blog dele......
ele realmente falava a verdade!
to pasmaaa!!! Shocked Shocked

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Mensagem por Admin em Dom 18 Dez 2011 - 15:10


Investigação sobre morte de Mosquito deve ser concluída em janeiro




Samir Oliveira

A morte do jornalista Amilton Alexandre, conhecido como Mosquito, que foi encontrado enforcado em sua casa na terça-feira (13), na cidade de Palhoça (SC), permanece rodeada de especulações que surgem aos tufos nas redes sociais e em blogs que acompanham o caso. O delegado responsável pelo caso garante que não descarta nenhuma hipótese sobre a morte e que a investigação deve estar encerrada em janeiro do ano que vem.

Leia mais:
- Investigações sugerem que blogueiro Mosquito teria cometido suicídio
- Blogueiro Mosquito é encontrado enforcado em sua casa em SC

Como Amilton mantinha o blog Tijoladas do Mosquito e publicava diversas denúncias contra autoridades de Santa Catarina – desde o prefeito de Florianópolis, Dário Berger (PMDB), à atual ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvati (PT) -, transbordam teorias que tentam relacionar seus poderosos e endinheirados desafetos à morte que silenciou uma voz cáustica e com potencial de repercussão.

É sob esse ambiente de especulações e pressão pública que atuam os órgãos de investigação de Santa Catarina. O titular da Delegacia da Polícia Civil de Palhoça, Attilio Guaspari Filho, garante que a apuração está sendo feita “com rigor” e estima que o inquérito estará concluído até a metade de janeiro. “Aí poderei dizer com certeza o que ocorreu”, projeta.

Ciente de que Mosquito sofria mais de 40 processos judiciais e que foi alvo de inúmeras ameaças de morte – algumas registradas na própria delegacia de Palhoça -, Attilio é cauteloso nas declarações. Ele reconhece que, com apenas quatro dias de investigação, as evidências recolhidas até agora sugerem que o jornalista teria, de fato, dado fim à própria vida. Mas a possibilidade de um suicídio forjado ainda orbita ao redor do trabalho policial.

“Tudo leva a crer que foi suicídio, a forma como foi encontrado o corpo… Mas não descartamos a tese do homicídio”, comenta, evitando encampar uma ou outra possibilidade com convicção. Entre hipóteses, fatos e boatos, o delegado tem apenas uma certeza: “Por enquanto, não dá para determinar”.

O policial não considera estranho o fato de Mosquito não deixar nenhum bilhete explicando o suposto suicídio. Segundo ele, os bilhetes do tipo não são tão comuns assim em casos de pessoas que tiram a própria vida. “Não são todos que deixam (algo escrito). Tem gente que, no nervosismo, acaba se matando sem pensar nisso”, explica.

Attilio ainda aguarda o resultado dos laudos em elaboração pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) e pelo Instituto Médico Legal (IML) de Florianópolis. As conclusões estão sendo redigidas e devem estar sobre a mesa do delegado na próxima semana.


Polícia quer depoimentos de pessoas que ameaçaram Mosquito | Foto: Reprodução
Em contato com o Sul21, a assessoria de imprensa do IML já havia dito que o laudo cadavérico atesta que a causa da morte é “asfixia por enforcamento” provocada por “energia de ordem mecânica”. O documento também descarta a possibilidade de Amilton ter sido envenenado.

O IGP evita dar detalhes sobre as conclusões dos peritos. O instituto apenas informou que já realizou três diligências na casa do jornalista. Na última, foi feito um exame papiloscópico para verificar a presença de impressões digitais no local onde o corpo foi encontrado.

Enquanto aguarda os relatórios oficiais, o delegado Attilio realiza oitivas com testemunhas da morte de Amilton e pessoas ligadas ao blogueiro. O policial já ouviu cinco pessoas, entre eles, a ex-mulher do jornalista, e está intimando alguns desafetos públicos de Mosquito para deporem. “Vou ouvir quem o ameaçou”, garante.

http://sul21.com.br/jornal/2011/12/investigacao-sobre-morte-de-mosquito-sera-concluida-em-janeiro-projeta-delegado/
avatar
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 95
Reputação : 31
Data de inscrição : 08/12/2011
Idade : 118

http://livrearbitrio.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Organização internacional quer investigar morte do blogueiro Mosquito

Mensagem por Admin em Seg 19 Dez 2011 - 23:01




http://sul21.com.br/jornal/2011/12/organizacao-internacional-quer-investigar-morte-de-mosquito/

Organização norte-americana solicita informações sobre a morte do jornalista | Foto: Diego Wendhausen Passos
Samir Oliveira

O Commmittee to Protect Journalists (Comitê para a Proteção de Jornalistas – CPJ), com sede em Nova York, nos Estados Unidos, está interessado em investigar a morte de Amilton Alexandre, conhecido como Mosquito, que foi encontrado enforcado em sua casa, na cidade de Palhoça, na última terça-feira (13). O jornalista mantinha o blog Tijoladas do Mosquito, onde denunciava atos de corrupção praticados por autoridades de Santa Catarina.

Leia mais:
- Investigação sobre morte de Mosquito deve ser concluída em janeiro
- Investigações sugerem que blogueiro Mosquito teria cometido suicídio
- Blogueiro Mosquito é encontrado enforcado em sua casa em SC

Sara Rafsky, investigadora associada ao Programa das Américas do CPJ, enviou um e-mail ao jornalista Sérgio Rubim, amigo de Amilton, informando que a organização está interessada em acompanhar o caso do blogueiro catarinense. “Escrevo ao senhor porque estamos investigando o caso de Amilton Alexandre e averiguando se é um caso que devemos levar adiante”, disse Sara.

O comunicado pode ser lido na íntegra no CangaBlog, mantido por Rubim. O Sul21 entrou em contato com o CPJ para obter mais informações sobre o interesse da organização na morte de Mosquito, mas até o fechamento desta matéria não obteve resposta.

Num dos trechos do e-mail, Sara solicita o contato de Izidoro Azevedo dos Santos, um dos advogados que defendia Amilton – que sofria mais de 40 processos na Justiça. A investigadora do CPJ diz que “ele teria uma outra opinião” sobre a morte de seu cliente.

Preocupação de Mosquito era não ser preso, diz advogado

Em conversa telefônica com o Sul21, o advogado disse que ficou “surpreso” com a morte de Mosquito e garante que vai conversar com pessoas ligadas ao jornalista sobre o assunto. Ele aguarda ter acesso ao laudo pericial cadavérico do Instituto Médico Legal (IML) de Florianópolis.

O conteúdo do laudo já foi antecipado ao Sul21 pela assessoria de imprensa do IML. O documento atesta que a causa da morte foi “asfixia por enforcamento” provocada por “força de ordem mecânica”. O IML se recusa a revelar o nome do médico legista que assinou a perícia.

De posse do documento, Santos pretende submetê-lo a análise de peritos não ligados ao IML. “Pretendo conversar com alguém da medicina legal que conheça casos de mortes por enforcamento para ver se diz algo diferente do laudo, se houve a presença de algum agente externo”, aponta o advogado.


Mosquito sofria mais de 40 processos na Justiça | Foto: Reprodução
Santos, junto com o colega Edson Jardim, advogava gratuitamente para o jornalista, que estava com sérios problemas financeiros. “Ele sofria processos criminais, cíveis e até de natureza tributária”, conta o advogado, acrescentando que “não era isso (os problemas financeiros) que o angustiava, o principal motivo era a iminência de ele ser preso (por conta de alguma condenação que pudesse vir)”.

Santos acredita que a hipótese de um homicídio forjado não pode ser descartada. “As denúncias que ele fazia eram contundentes e envolviam gente poderosa. Pelo rol de denunciados, qualquer um pode ser um inimigo em potencial”, comenta.

Mosquito colecionava muitos desafetos, desde o prefeito de Florianópolis, Dário Berger (PMDB), à atual ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti (PT) – ambos moveram ações contra o jornalista.

E pelo menos duas pessoas já ameaçaram publicamente Amilton de morte. O vereador de Florianópolis, Márcio Souza (PT), e o ex-diretor do Departamento de Administração Prisional de Santa Catarina (Deap, órgão semelhante à Susepe gaúcha), Hudson Queiroz. Souza teria ameaçado Mosquito durante uma audiência judicial entre os dois, na frente da juíza. E Queiroz já teria agredido fisicamente o jornalista durante um evento na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, ameaçando-o de morte pelas redes sociais.

O ex-diretor do Deap é um dos envolvidos nas denúncias de torturas contra detentos do Complexo Prisional de São Pedro de Alcântara. As imagens de policiais afogando presos em vasos sanitários tiveram repercussão nacional em novembro de 2009. O caso levou Queiroz a perder o cargo.

Uma pessoa ligada a Amilton acredita que Hudson pode ser um dos principais suspeitos, caso tenha havido realmente um assassinato. “Ele mostrou sinais de ser desequilibrado, a ponto de ameaçá-lo nas redes sociais. E é policial, sabe os procedimentos para mascarar um suicídio”, aponta.

O delegado responsável pela investigação da morte de Mosquito, Attilio Guaspari Filho, da Delegacia de Palhoça, já está intimando pessoas ligadas ao jornalista e quer tomar depoimentos de desafetos que o ameaçaram. Mas ele evita confirmar se Hudson ou o vereador Marcio Souza estão serão chamados a depor. “Estamos ainda em fase de inquérito e não posso confirmar”, despista.

avatar
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 95
Reputação : 31
Data de inscrição : 08/12/2011
Idade : 118

http://livrearbitrio.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Blogueiro que denunciou estupro cometido pelo filho de Sérgio Sirotsky, do Grupo RBS é encontrado enforcado

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum